Amor, Perdão e Compaixão: Ajuda para Casais Revelada na Bíblia.

0

Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo. O amor é um dos pilares fundamentais de um relacionamento saudável. É preciso que os casais entendam a importância de cultivarem um amor saudável, baseado na compaixão, no perdão e na dedicação. Neste artigo, abordaremos como os maridos devem amar as suas mulheres, de acordo com os ensinamentos bíblicos e os exemplos de Cristo.

Mensagem crista Ajuda para Casais

Conteúdo

Tabela sobre Ajuda para Casais

Característica Descrição
Amar a si mesmo Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo.
Servir ao Senhor Escolher servir ao Senhor aos deuses dos amorreus.
Mulher não se aparte do marido A mulher não se aparte do marido, se separar, que fique sem casar ou se reconcilie.
Não pecar de ira Não pecar de ira, não deixar o sol se ponha sobre a ira.
Mulheres sujeitas Mulheres sujeitas aos seus próprios maridos, como convém no Senhor.
Maridos amem as suas mulheres Maridos amem as suas mulheres como Cristo amou a igreja.
Não seja mentira Deixar a mentira e falar a verdade.
Revestir-se de amor Revestir-se de amor, que é o vínculo da perfeição.
Paz de Deus Que a paz de Deus domine em vossos corações.
Perdoar-se uns aos outros Perdoar-se uns aos outros, assim como Cristo vos perdoou.
Amargura, ira, cólera Toda a amargura, e ira, e cólera, e gritaria, e blasfêmia e toda a malícia sejam tiradas dentre vós.
Pagar a devida benevolência O marido pague à mulher a devida benevolência, e da mesma sorte a mulher ao marido.
Encontrar uma esposa Aquele que encontra uma esposa, acha o bem, e alcança a benevolência do Senhor.

Refletindo sobre as Sagradas Escrituras

A Palavra de Deus nos ensina como devemos amar ao nosso próximo, sejam eles nossos cônjuges ou qualquer outra pessoa.

A primeira passagem que destacamos é Efésios 5: 28-30: “Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo. Porque nunca ninguém odiou a sua própria carne; antes a alimenta e sustenta, como também o Senhor à igreja”. Esta passagem nos ensina que o amor verdadeiro não se limita ao próprio eu, mas é algo que se estende além, para o outro. O marido deve amar a sua mulher como a si mesmo, pois o amor é o vínculo da perfeição.

A segunda passagem que destacamos é Gálatas 5:13-15: “Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo. Não atente cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos outros. E, sobre tudo isto, revesti-vos de amor, que é o vínculo da perfeição”. Esta passagem nos ensina que o amor verdadeiro é mais do que apenas o amor ao próprio eu, mas é o amor incondicional ao próximo. É importante que nos revelemos no amor e que nos consideremos superiores uns aos outros.

A terceira passagem que destacamos é 1 Coríntios 7: 2-5: “Todavia, aos casados mando, não eu mas o Senhor, que a mulher não se aparte do marido. Se, porém, se apartar, que fique sem casar, ou que se reconcilie com o marido; e que o marido não deixe a mulher. Irai-vos, e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira. Não deis lugar ao diabo”. Esta passagem nos ensina que o casamento é sagrado e que, mesmo quando há dificuldades, devemos procurar a reconciliação e não a separação. O casal deve lidar com suas diferenças sem ceder ao diabo e às emoções negativas.

A quarta passagem que destacamos é Efésios 5:21-33: “Vós, mulheres, estai sujeitas a vossos próprios maridos, como convém no Senhor. Vós, maridos, amai a vossas mulheres, e não vos irriteis contra elas. Por isso deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros. Assim não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem. Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela…”. Esta passagem nos ensina que o amor verdadeiro é incondicional e que o casal deve se amar como Jesus amou a igreja. O casal deve procurar a verdade e a honestidade, e evitar mentiras e inveja.

Por fim, destacamos a passagem de 1 Pedro 4: 8-11: “Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo. Não atente cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos outros. E, sobre tudo isto, revesti-vos de amor, que é o vínculo da perfeição. E a paz de Deus, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e sede agradecidos”. Esta passagem nos ensina que o amor é o vínculo da perfeição e que devemos nos revestir com ele. O amor é a base para a paz e o contentamento, e devemos ser gratos por isso.

Concluímos, então, que o amor verdadeiro é a base para o matrimônio e para todas as relações humanas. Seguindo os ensinamentos das Sagradas Escrituras, podemos viver em harmonia e com paz no coração. Que Deus abençoe nossa vida e nos guie sempre!

Salmo Ajuda para Casais

Ajuda para Casais: Estudo Bíblico sobre o Amor e o Respeito

Introdução

O livro de Efésios traz um ensinamento precioso para os casais cristãos: o amor e o respeito. Através deste estudo bíblico, vamos explorar a passagem de Efésios 5:21-33, para entender o que a Bíblia nos ensina sobre como iam os casais devem amar-se e respeitar-se uns aos outros.

Símbolos e Personagens

Esta passagem menciona vários símbolos e personagens importantes. O principal símbolo é o amor. A palavra “amor” é mencionada inúmeras vezes na passagem, como uma forma de ensinar às pessoas como eles devem amar os outros. Além disso, o Senhor é mencionado como o autor da Palavra. Cristo é mencionado como o exemplo de como devemos amar os outros.

Motivos e Prenúncios

Uma das principais motivações desta passagem é mostrar aos cristãos como eles devem amar seus cônjuges. A Bíblia ensina que o amor é sofredor, benigno, não é invejoso, não é irritado, não suspeita mal, não é orgulhoso e não é rude.

Além disso, é ensinado que os casais devem se respeitar e ser unidos, para que Deus possa ajudá-los. E também ensina que devemos evitar a prostituição e o adultério.

Ambientação e Versículos

Esta passagem se passa no livro de Efésios, escrito pelo apóstolo Paulo. É um livro da Bíblia que ensina sobre o amor de Deus e destina-se a ensinar os cristãos sobre o amor.

Os versículos que tratamos neste estudo são os versículos 21-33. Eles nos ensinam sobre o amor entre os casais, o respeito, e como devemos evitar a prostituição e o adultério.

Alusões e Pontos de Vista

Esta passagem faz muitas alusões ao amor que Cristo tem por nós e também ao amor de Deus por nós. Ele nos ensina que devemos amar nossos cônjuges como nós mesmos e como Cristo amou a igreja.

Além disso, a passagem destaca a importância de evitar a prostituição e o adultério. Ela também nos ensina a sermos pacientes, misericordiosos e a perdoar uns aos outros.

Metáforas

Esta passagem usa muitas metáforas para nos ensinar sobre o amor e o respeito entre os casais. Por exemplo, o versículo 33 diz: “Vede que ninguém dê a outrem mal por mal, mas segui sempre o bem, tanto uns para com os outros, como para com todos”.

Esta metáfora nos ensina que devemos perdoar os erros uns dos outros e não guardar mágoas. Ela também nos ensina que devemos sempre procurar o bem, tanto para nós mesmos, quanto para os outros.

Conclusão

Esta passagem nos ensina que o amor e o respeito entre os casais é uma das principais características do relacionamento cristão. Ela nos ensina também a evitar a prostituição e o adultério, a ter amor e verdade uns para com os outros, e a perdoar uns aos outros. Seguindo estas orientações, nós podemos ter um relacionamento forte e saudável com nossos cônjuges.

Como o amor cristão pode melhorar o relacionamento de um casal?


O amor cristão pode melhorar o relacionamento de um casal seguindo os ensinamentos de Jesus Cristo. Os casais devem se esforçar para amar-se uns aos outros como Cristo amou a Igreja, perdoando-se mutuamente, seguindo o caminho da verdade e da bondade, e rejeitando a mentira, a ira, a cólera e a vanglória. Eles também devem procurar servir a Deus, pois é Ele quem é capaz de uni-los e abençoar seu relacionamento.

Como um casal cristão pode lidar com conflitos?


Um casal cristão deve tentar lidar com conflitos de maneira pacífica e amorosa. Eles devem procurar resolver seus problemas de maneira construtiva, respeitando e aceitando as opiniões um do outro. Eles devem abster-se de qualquer linguagem ofensiva e evitar o uso de ameaças ou palavras destrutivas. É importante que eles se esforcem para entender as necessidades e sentimentos um do outro. Eles devem tentar permanecer unidos, pois é isso que Deus deseja para eles.

Como o casal cristão pode equilibrar o tempo entre si?


O equilíbrio do tempo é importante para qualquer relacionamento. É importante que os casais cristãos se esforcem para dedicar tempo um ao outro e passar tempo com Deus. Eles devem procurar passar tempo juntos, seja para orar, ler a Bíblia, fazer atividades e passar momentos agradáveis. Também é importante que eles se esforcem para buscar hobbies e interesses comuns para que possam passar mais tempo juntos.

Como o casal cristão pode lidar com as exigências da vida?


O casal cristão deve procurar manter a fé e confiar no Senhor mesmo nas exigências da vida. Eles devem procurar unir-se como um time e apoiar-se mutuamente. Eles devem procurar pedir ajuda e conselhos às pessoas certas, assim como buscar orientação na Palavra de Deus. Além disso, é importante que eles se esforcem para encontrar uma maneira de manter a calma e o equilíbrio em qualquer situação.

Como o casal cristão pode cultivar a intimidade?

O casal cristão deve procurar cultivar a intimidade em seu relacionamento. Eles devem procurar passar tempo juntos, seja para conversar, orar, ler a Bíblia ou até mesmo para fazer atividades divertidas. É importante que eles se dediquem um ao outro e se abram para compartilhar seus sentimentos, necessidades e experiências. Além disso, eles devem procurar cultivar a intimidade com Deus, pois isso trará mais profundidade e significado ao seu relacionamento.

Leave A Reply

Your email address will not be published.