Vamos Lutar contra o Dragão Vermelho: A Apocalipse 12 no Tempo de Maria

0

Começamos a nossa reflexão sobre a passagem bíblica de Apocalipse 12 com grande esperança e louvor a Deus. Neste trecho, vemos a figura da mulher vestida do sol, tendo a lua debaixo dos seus pés e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça. Esta mulher, que é Maria, está grávida e com dores de parto, e grita com ânsias de dar à luz. Logo em seguida, vemos o Dragão Vermelho, que tem sete cabeças e dez chifres, e sobre as suas cabeças sete diademas. Esta criatura maligna, que é o Diabo, lança a terça parte das estrelas do céu e tenta tragar o filho de Maria, mas não consegue. Maria dá à luz um filho homem, Jesus Cristo, que há de reger todas as nações com vara de ferro. Em seguida, ela foge para o deserto, onde Deus preparou um lugar para ela, para que ali fosse alimentada durante mil duzentos e sessenta dias. No céu, há uma batalha entre Miguel e os seus anjos contra o dragão e os seus anjos. O dragão é derrotado e lançado na terra, mas ele ainda tenta perseguir Maria e os seus filhos que guardam os mandamentos de Deus e têm o testemunho de Jesus Cristo. Por fim, Maria é salva pelas asas de grande águia que Deus lhe deu e foge para o deserto.

Esta passagem nos ensina que Deus sempre está presente para nos proteger e nos salvar. Mesmo quando o maligno tenta nos destruir, Deus nos oferece seu amor e misericórdia. A mulher vestida do sol é um símbolo de esperança e de triunfo do bem sobre o mal. O Filho de Deus, Jesus Cristo, nos dá a força e o coragem necessários para resistir às tentações do maligno. Que possamos encontrar em nossa vida a mesma fé e esperança que encontramos nesta passagem bíblica!

Salmo Apocalipse 12

Conteúdo

Tabela sobre Apocalipse 12

Personagem Lição
Mulher vestida do sol Deus nos protege e nos dá força para superar as adversidades
Dragão Vermelho O mal e a tentação estão sempre presentes, mas não devemos ceder a elas
Filho Homem Deus nos dá a esperança de vida eterna
Miguel e os anjos Deus nos envia seus anjos para nos proteger e nos guiar

Apocalipse 12

1 E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida do sol, tendo a lua
debaixo dos seus pés, e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça.

2 E estava grávida, e com dores de parto, e gritava com ânsias de dar à luz.

3 E viu-se outro sinal no céu; e eis que era um grande dragão vermelho, que
tinha sete cabeças e dez chifres, e sobre as suas cabeças sete diademas.

4 E a sua cauda levou após si a terça parte das estrelas do céu, e lançou-as
sobre a terra; e o dragão parou diante da mulher que havia de dar à luz, para
que, dando ela à luz, lhe tragasse o filho.

5 E deu à luz um filho homem que há de reger todas as nações com vara de ferro;
e o seu filho foi arrebatado para Deus e para o seu trono.

6 E a mulher fugiu para o deserto, onde já tinha lugar preparado por Deus, para
que ali fosse alimentada durante mil duzentos e sessenta dias.

7 E houve batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e
batalhavam o dragão e os seus anjos;

8 Mas não prevaleceram, nem mais o seu lugar se achou nos céus.

9 E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, chamada o Diabo, e
Satanás, que engana todo o mundo; ele foi precipitado na terra, e os seus anjos
foram lançados com ele.

10 E ouvi uma grande voz no céu, que dizia: Agora é chegada a salvação, e a
força, e o reino do nosso Deus, e o poder do seu Cristo; porque já o acusador de
nossos irmãos é derrubado, o qual diante do nosso Deus os acusava de dia e de
noite.

11 E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e
não amaram as suas vidas até à morte.

12 Por isso alegrai-vos, ó céus, e vós que neles habitais. Ai dos que habitam na
terra e no mar; porque o diabo desceu a vós, e tem grande ira, sabendo que já
tem pouco tempo.

13 E, quando o dragão viu que fora lançado na terra, perseguiu a mulher que dera
à luz o filho homem.

14 E foram dadas à mulher duas asas de grande águia, para que voasse para o
deserto, ao seu lugar, onde é sustentada por um tempo, e tempos, e metade de um
tempo, fora da vista da serpente.

15 E a serpente lançou da sua boca, atrás da mulher, água como um rio, para que
pela corrente a fizesse arrebatar.

16 E a terra ajudou a mulher; e a terra abriu a sua boca, e tragou o rio que o
dragão lançara da sua boca.

17 E o dragão irou-se contra a mulher, e foi fazer guerra ao remanescente da sua
semente, os que guardam os mandamentos de Deus, e têm o testemunho de Jesus
Cristo.

Mensagem crista Apocalipse 12

Apocalipse 12

O Apocalipse 12 nos mostra o grande sinal no céu: Uma mulher vestida do sol, com a lua debaixo dos seus pés e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça. Esta mulher estava grávida, com dores de parto e gritava com ânsias de dar à luz. Logo após, viu-se outro sinal no céu, que era um grande dragão vermelho, com sete cabeças, dez chifres, sete diademas e a sua cauda arrastava atrás de si a terça parte das estrelas do céu. Este dragão parou diante da mulher que havia de dar à luz, para que, dando ela à luz, lhe tragasse o filho.

O Filho de Deus

Deu à luz um filho homem que há de reger todas as nações com vara de ferro; e o seu filho foi arrebatado para Deus e para o seu trono. Esta criança é o nosso Senhor Jesus Cristo, o Filho de Deus, que veio ao mundo para nos salvar e nos trazer o reino de Deus. Ele é a nossa esperança, o nosso redentor, o nosso Salvador.

A Mulher e o Dragão

A mulher fugiu para o deserto, onde já tinha lugar preparado por Deus, para que ali fosse alimentada durante mil duzentos e sessenta dias. Houve então batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e este foi precipitado na terra. A mulher recebeu duas asas de grande águia, para que voasse para o deserto, ao seu lugar, onde é sustentada por um tempo, e tempos, e metade de um tempo, fora da vista da serpente. O diabo perseguiu a mulher que dera à luz o filho homem, mas o Senhor nos protegeu e derrotou o diabo.

Alegrai-vos, ó céus!

Depois desta batalha, ouviu-se uma grande voz no céu que dizia: Agora é chegada a salvação, e a força, e o reino do nosso Deus, e o poder do seu Cristo; porque já o acusador de nossos irmãos é derrubado, o qual diante do nosso Deus os acusava de dia e de noite. Por isso, alegrai-vos, ó céus, e vós que neles habitais, pois o Senhor nos trouxe a salvação e a vitória. Amém!

Apocalipse 12 – O Sinal do Céu

Apocalipse 12 trata de um grande sinal no céu, uma mulher grávida com um filho homem que seria o rei de todas as nações. Ela foi perseguida pela serpente, que lançou água como um rio para levá-la. No entanto, a terra ajudou a mulher e tragou o rio.

Esse episódio também menciona a batalha no céu entre Miguel e os seus anjos contra o dragão, Satanás. Como resultado, a salvação, a força e o reino de Deus chegaram ao mundo.

Ao longo do texto, a mulher e seu filho são representações de Maria, mãe de Jesus Cristo, e Jesus, respectivamente. Assim, Apocalipse 12 representa a vitória de Deus sobre o mal, que é representado pela serpente.

FAQ sobre Apocalipse 12

O que é Apocalipse 12?

Apocalipse 12 é o décimo segundo capítulo do Livro de Apocalipse, o último livro da Bíblia. O capítulo conta a história de uma mulher grávida e seu filho homem que simbolizam a mãe de Jesus Cristo, Maria, e Jesus, respectivamente.

Qual é a mensagem de Apocalipse 12?

A mensagem de Apocalipse 12 é a vitória de Deus sobre o mal, que é representado pela serpente. A mulher e seu filho são símbolos da salvação, da força e do reino de Deus que chegou ao mundo.

O que significa a mulher vestida do sol?

A mulher vestida do sol é uma representação simbólica da mãe de Jesus Cristo, Maria. Ela é usada para simbolizar a vitória de Deus sobre o mal.

O que significa a batalha no céu?

A batalha no céu é a luta entre Miguel e os seus anjos contra o dragão, que é representado por Satanás. Como resultado, a salvação, a força e o reino de Deus chegam ao mundo.

Leave A Reply

Your email address will not be published.