A Fidelidade Divina e Jeremias 39: Como Deus Protege Seu Povo

0

Refletindo sobre a passagem bíblica de Jeremias 39, somos lembrados da fidelidade e providência de Deus para com seu povo. Nessa passagem, vemos o Senhor trazer juízo sobre a cidade de Jerusalém e o rei Zedequias, mas também o Senhor preservando o profeta Jeremias que foi salvo e protegido da destruição. Esta passagem nos ensina que Deus é soberano sobre todas as coisas e que Ele sempre está cuidando de Seu povo. Embora a destruição de Jerusalém pareça trágica, a passagem nos mostra que Deus usa a desgraça para realizar Seu propósito.

Salmo Jeremias 39

Conteúdo

Tabela sobre Jeremias 39

Personagem Lição
Zedequias, rei de Judá A importância de confiar em Deus, mesmo nos momentos mais difíceis.
Nabucodonosor, rei de Babilônia A humildade diante da soberania de Deus.
Jeremias A fidelidade a Deus, mesmo em circunstâncias difíceis.
Ebede-Meleque, o etíope A confiança em Deus, mesmo diante de grandes dificuldades.

Jeremias 39

1 No ano nono de Zedequias, rei de Judá, no décimo mês, veio Nabucodonosor, rei
de babilônia, e todo o seu exército, contra Jerusalém, e a cercaram.

2 No ano undécimo de Zedequias, no quarto mês, aos nove do mês, fez-se uma
brecha na cidade.

3 Entraram nela todos os príncipes do rei de babilônia, e pararam na porta do
meio, a saber: Nergal-Sarezer, Sangar-Nebo, Sarsequim, Rabe-Saris,
Nergal-Sarezer, Rabe-Mague, e todos os outros príncipes do rei de babilônia.

4 E sucedeu que, vendo-os Zedequias, rei de Judá, e todos os homens de guerra,
fugiram, saindo de noite da cidade, pelo caminho do jardim do rei, pela porta
que está entre os dois muros; e seguiram pelo caminho da campina.

5 Mas o exército dos caldeus os perseguiu, e alcançou a Zedequias nas campinas
de Jericó; e eles o prenderam, e fizeram-no subir a Nabucodonosor, rei de
babilônia, a Ribla, na terra de Hamate, e o rei o sentenciou.

6 E o rei de babilônia matou em Ribla os filhos de Zedequias, diante dos seus
olhos; também matou o rei de babilônia a todos os nobres de Judá.

7 E cegou os olhos de Zedequias, e o atou com duas cadeias de bronze, para
levá-lo a babilônia.

8 E os caldeus incendiaram a casa do rei e as casas do povo, e derrubaram os
muros de Jerusalém.

9 E o restante do povo, que ficou na cidade, e os desertores que se tinham
passado para ele, e o restante do povo que ficou, Nebuzaradã, capitão da guarda,
levou cativo para a babilônia.

10 Porém os pobres dentre o povo, que não tinham nada, Nebuzaradã, capitão da
guarda, deixou na terra de Judá; e deu-lhes vinhas e campos naquele dia.

11 Mas Nabucodonosor, rei de babilônia, havia ordenado acerca de Jeremias, a
Nebuzaradã, capitão da guarda, dizendo:

12 Toma-o, e põe sobre ele os teus olhos, e não lhe faças nenhum mal; antes como
ele te disser, assim procederás com ele.

13 Por isso mandou Nebuzaradã, capitão da guarda, e Nebusazbã, Rabe-Saris,
Nergal-Sarezer, Rabe-Mague, e todos os príncipes do rei de babilônia,

14 Mandaram retirar a Jeremias do átrio da guarda, e o entregaram a Gedalias,
filho de Aicão, filho de Safã, para que o levassem à casa; e ele habitou entre o
povo.

15 Ora, tinha vindo a Jeremias a palavra do Senhor, estando ele ainda
encarcerado no átrio da guarda, dizendo:

16 Vai, e fala a Ebede-Meleque, o etíope, dizendo: Assim diz o Senhor dos
Exércitos, Deus de Israel: Eis que eu trarei as minhas palavras sobre esta
cidade para mal e não para bem; e cumprir-se-ão diante de ti naquele dia.

17 A ti, porém, eu livrarei naquele dia, diz o Senhor, e não serás entregue na
mão dos homens, a quem temes.

18 Porque certamente te livrarei, e não cairás à espada; mas a tua alma terás
por despojo, porquanto confiaste em mim, diz o Senhor.

Mensagem crista Jeremias 39

Jeremias e a Cidade de Jerusalém

No ano nono de Zedequias, rei de Judá, veio Nabucodonosor, rei de Babilônia, e todo o seu exército, contra Jerusalém, e a cercaram. A cidade foi cercada por mais de dois anos, até que no ano undécimo de Zedequias, no quarto mês, aos nove do mês, foi aberta uma brecha na cidade. Todos os príncipes do rei de Babilônia entraram e pararam na porta do meio.

Vendo-os, Zedequias, rei de Judá, e todos os homens de guerra, fugiram, saindo de noite da cidade, pelo caminho do jardim do rei. Contudo, o exército dos caldeus os perseguiu e alcançaram Zedequias nas campinas de Jericó. Ele foi preso e levado a Nabucodonosor, rei de Babilônia, a Ribla, na terra de Hamate, onde foi sentenciado. O rei de Babilônia matou os filhos de Zedequias, diante dos seus olhos, e também matou todos os nobres de Judá. Além disso, cegou os olhos de Zedequias e o atou com duas cadeias de bronze, para levá-lo a Babilônia.

Os caldeus incendiaram a casa do rei, as casas do povo e derrubaram os muros de Jerusalém. O restante do povo foi levado para Babilônia como cativo, exceto os pobres, que não tinham nada. Eles foram deixados na terra de Judá, com vinhas e campos. Entre eles, estava Jeremias, que havia sido entregue a Gedalias, filho de Aicão, filho de Safã, para que o levasse à casa. Foi então que Jeremias recebeu a palavra do Senhor, que o livraria da mão dos homens, a quem temia.

A Palavra do Senhor

Jeremias recebeu a palavra do Senhor, estando ele ainda encarcerado no átrio da guarda. O Senhor lhe disse que trarei as minhas palavras sobre esta cidade para mal e não para bem, mas que o livraria naquele dia. Jeremias confiou no Senhor e foi livrado da mão dos homens, a quem temia. Assim, Jeremias foi um dos poucos que escaparam da destruição de Jerusalém e pôde testemunhar a fidelidade e o amor do Senhor para com Seu povo.

Reflexão Final

A história de Jeremias e a destruição de Jerusalém é um forte exemplo da soberania de Deus. Mesmo diante de tanta tragédia, Deus se revelou como um Deus de amor, que deseja salvar Seu povo. Embora não possamos entender a grandeza de Deus, temos a certeza de que Ele age com justiça e misericórdia. Esta passagem bíblica nos ensina a confiar em Deus em todas as circunstâncias, pois Ele está no controle de tudo.

O que é Jeremias 39?

Jeremias 39 é parte do livro da Bíblia do Antigo Testamento que contém a profecia de Jeremias sobre o julgamento de Deus contra Judá e Jerusalém devido ao pecado e à desobediência do povo. O capítulo relata o assédio de Babilônia e a consequente destruição de Judá e Jerusalém, bem como a captura do rei Zedequias e de outras pessoas.

Qual é o significado de Jeremias 39?

Jeremias 39 destaca as consequências negativas que resultam da desobediência a Deus e do pecado. O capítulo destaca a punição que Deus envia ao Seu povo por causa de seu pecado e a Importância de obedecer a Deus.

FAQ – Jeremias 39

Pergunta 1: Por que Deus enviou a punição a Judá e Jerusalém?

Resposta: Deus enviou a punição a Judá e Jerusalém por causa da desobediência e do pecado do Seu povo.

Pergunta 2: Quem foi capturado durante o assédio de Babilônia?

Resposta: O rei Zedequias e outras pessoas foram capturadas durante o assédio de Babilônia.

Pergunta 3: Por que Ebede-Meleque foi livrado da punição?

Resposta: Ebede-Meleque foi livrado da punição porque ele confiou em Deus.

Leave A Reply

Your email address will not be published.