Revelação de Encontro com fé e entrega na Jó 6: revele o seu propósito.

0

Como professor de teologia, é uma honra para mim refletir sobre Jó 6. Esta passagem bíblica nos mostra a profunda fé e entrega de Jó ao Senhor. Ele se recusa a culpar Deus por suas aflições e busca a entrega à vontade divina, mesmo diante de grandes provações. Jó ora para que Deus o liberte de seu sofrimento, mas também reconhece que Deus é onipotente e que a sua vontade é mais importante do que a vontade dele. Ao mesmo tempo, ele também faz um apelo à misericórdia de Deus, pois sabe que Deus é justo e misericordioso. Esta passagem nos lembra que, mesmo diante das mais difíceis provações, devemos manter a fé e entregar nossa vida ao Senhor.

Salmo Jo 6

Conteúdo

Tabela sobre Jó 6

Personagem Lição
A fé em Deus nos ajuda a superar os momentos mais difíceis.
Amigos de Jó É importante oferecer apoio e compaixão aos que sofrem.

Jó 6

1 Então Jó respondeu, dizendo:

2 Oh! se a minha mágoa retamente se pesasse, e a minha miséria juntamente se
pusesse numa balança!

3 Porque, na verdade, mais pesada seria, do que a areia dos mares; por isso é
que as minhas palavras têm sido engolidas.

4 Porque as flechas do TodoPoderoso estão em mim, cujo ardente veneno suga o meu
espírito; os terrores de Deus se armam contra mim.

5 Porventura zurrará o jumento montês junto à relva? Ou mugirá o boi junto ao
seu pasto?

6 Ou comer-se-á sem sal o que é insípido? Ou haverá gosto na clara do ovo?

7 A minha alma recusa tocá-las, pois são para mim como comida repugnante.

8 Quem dera que se cumprisse o meu desejo, e que Deus me desse o que espero!

9 E que Deus quisesse quebrantar-me, e soltasse a sua mão, e me acabasse!

10 Isto ainda seria a minha consolação, e me refrigeraria no meu tormento, não
me poupando ele; porque não ocultei as palavras do Santo.

11 Qual é a minha força, para que eu espere? Ou qual é o meu fim, para que tenha
ainda paciência?

12 É porventura a minha força a força da pedra? Ou é de cobre a minha carne?

13 Está em mim a minha ajuda? Ou desamparou-me a verdadeira sabedoria?

14 Ao que está aflito devia o amigo mostrar compaixão, ainda ao que deixasse o
temor do Todo-Poderoso.

15 Meus irmãos aleivosamente me trataram, como um ribeiro, como a torrente dos
ribeiros que passam,

16 Que estão encobertos com a geada, e neles se esconde a neve,

17 No tempo em que se derretem com o calor, se desfazem, e em se aquentando,
desaparecem do seu lugar.

18 Desviam-se as veredas dos seus caminhos; sobem ao vácuo, e perecem.

19 Os caminhantes de Tema os vêem; os passageiros de Sabá esperam por eles.

20 Ficam envergonhados, por terem confiado e, chegando ali, se confundem.

21 Agora sois semelhantes a eles; vistes o terror, e temestes.

22 Acaso disse eu: Dai-me ou oferecei-me presentes de vossos bens?

23 Ou livrai-me das mãos do opressor? Ou redimi-me das mãos dos tiranos?

24 Ensinai-me, e eu me calarei; e fazei-me entender em que errei.

25 Oh! quão fortes são as palavras da boa razão! Mas que é o que censura a vossa
argüição?

26 Porventura buscareis palavras para me repreenderdes, visto que as razões do
desesperado são como vento?

27 Mas antes lançais sortes sobre o órfão; e cavais uma cova para o amigo.

28 Agora, pois, se sois servidos, olhai para mim; e vede se minto em vossa
presença.

29 Voltai, pois, não haja iniqüidade; tornai-vos, digo, que ainda a minha
justiça aparecerá nisso.

30 Há porventura iniqüidade na minha língua? Ou não poderia o meu paladar
distinguir coisas iníquas?

Mensagem crista Jo 6

Refletindo sobre o texto de Jó

O livro de Jó nos traz um relato de perseverança e fé, mesmo diante de inúmeras dificuldades e provações. A passagem acima, retirada do capítulo 6 do Livro de Jó, nos mostra a luta de Jó para manter a sua fé e confiança em Deus, mesmo diante de toda a adversidade.

1. Jó reconhece a sua miséria

Jó reconhece que a sua miséria é mais pesada do que a areia dos mares, e que as palavras que ele profere são engolidas. Ele se sente aflito e sozinho, pois o Todo-Poderoso parece estar ao seu lado em forma de flechas, cujo veneno suga o seu espírito.

2. Jó se pergunta sobre o sentido da vida

Jó se pergunta se o jumento montês zurra junto à relva, ou se o boi mugirá junto ao seu pasto. Ele também se questiona se comerá algo sem sal que seja insípido, ou se haverá gosto na clara do ovo. Todas essas perguntas servem para demonstrar o quanto Jó está em busca de sentido e significado para a sua vida.

3. Jó expressa o seu desejo

Jó expressa o seu desejo de que Deus cumpra o que ele espera e quebrante-o, libertando-o da sua miséria. Ele reconhece que isso seria a sua consolação e que ele não escondeu as palavras do Santo. Ele se pergunta qual é a sua força para que ele espere e qual é o seu fim para que tenha paciência.

4. Jó implora por compaixão e misericórdia

Jó implora por compaixão e misericórdia, pois os seus irmãos o tratam como um ribeiro, como a torrente dos ribeiros que passam. Ele reconhece que, ao passar o calor, os ribeiros desviam-se dos seus caminhos e desaparecem do seu lugar. Jó também se pergunta se deve pedir presentes de bens ou se deve ser livrado das mãos dos opressores.

5. Jó questiona os seus amigos

Por fim, Jó questiona os seus amigos sobre a razão das suas repreensões, pois as razões do desesperado são como vento. Ele diz que eles deveriam mostrar compaixão ao aflito e àquele que teme o Todo-Poderoso. Jó questiona ainda se os amigos lançam sortes sobre o órfão e cavam uma cova para o amigo. Ele pede que olhem para ele e vejam se ele está mentindo.

Assim, a passagem nos ensina que, mesmo diante das maiores dificuldades e provações, devemos manter a nossa fé e confiança em Deus. Devemos nos lembrar de que Deus está sempre presente, mesmo nos momentos mais difíceis, e que Ele nos dará forças para superar todos os desafios.

Jó 6 – Quem é Jó?

Jó foi um homem da Bíblia que experimentou muitas adversidades, mas nunca perdeu a sua fé em Deus. Ele foi o herói do livro do Antigo Testamento intitulado “Jó”. Ele foi um homem rico e bem-sucedido antes de sua vida mudar de rumo. Ele foi testado por Deus com grandes dificuldades, mas passou por todos eles com honra.

O que Jó diz em Jó 6?

Em Jó 6, Jó expressa sua dor e aflição para Deus. Ele ora a Deus para que sua miséria seja pesada e medida, e expressa seu desejo de que Deus acabe com ele. Ele pede a seus amigos para que lhe ensinem, mas eles não podem. Ele compara a sua situação com a de um rio que desaparece no verão. Ele pergunta a Deus se ele tem alguma culpa e afirma que sua língua é justa.

Por que Jó 6 é importante?

Jó 6 é importante porque nos ensina como lidar com as adversidades da vida. Ele nos lembra que, mesmo quando estamos passando por dificuldades, ainda podemos manter a nossa fé em Deus. Nós também podemos aprender a confiar em Deus em todas as áreas da nossa vida, mesmo quando não há respostas imediatas para nossas orações.

FAQ sobre Jó 6

Pergunta 1: Quem é Jó?
Resposta: Jó foi um homem da Bíblia que experimentou muitas adversidades, mas nunca perdeu a sua fé em Deus.

Pergunta 2: O que Jó diz em Jó 6?
Resposta: Em Jó 6, Jó expressa sua dor e aflição para Deus. Ele ora a Deus para que sua miséria seja pesada e medida, e expressa seu desejo de que Deus acabe com ele.

Pergunta 3: Por que Jó 6 é importante?
Resposta: Jó 6 é importante porque nos ensina como lidar com as adversidades da vida. Ele nos lembra que, mesmo quando estamos passando por dificuldades, ainda podemos manter a nossa fé em Deus.

Leave A Reply

Your email address will not be published.