João 17: Entendendo o Amor Divino para nós!

0

Começamos esta reflexão sobre João 17 a partir da perspectiva da teologia cristã. Esta passagem bíblica nos oferece uma oportunidade para aprofundar nosso entendimento de Deus, de Jesus Cristo e de nossa relação com o Pai Celestial. A passagem começa com Jesus orando ao Pai, expressando sua profunda gratidão e adoração. Ele pede que seu Pai glorifique a ele, para que ele também glorifique ao Pai, e que esta glória se manifeste na terra, assim como existia antes da criação do mundo. Jesus também pede ao Pai que guarde aqueles que lhe foram dados, para que sejam um como Jesus e o Pai são um. Jesus também pede que sejam santificados na verdade, e que seu amor seja manifestado neles. Finalmente, Jesus pede que aqueles que lhe foram dados possam ver sua glória.

Nesta passagem, vemos o profundo amor de Deus pelos que crêem nele, e o quanto Jesus se preocupa em nos proteger e nos santificar. É uma grande oportunidade para nós, como cristãos, refletir sobre o quanto Deus nos ama e nos quer bem. É também um lembrete de que devemos seguir os ensinamentos de Jesus e viver de acordo com a vontade do Pai. Que possamos todos refletir sobre este trecho de João 17 e nos apropriarmos de seu significado para nossas vidas.

Salmo Joao 17

Conteúdo

Tabela sobre João 17

Personagens Principais Lições
Jesus Deus nos ama e nos envia para cumprir Sua vontade.
Pai Deus é amor e justiça.
Homens Devemos nos unir para cumprir a vontade de Deus.

João 17

1 Jesus falou assim e, levantando seus olhos ao céu, e disse: Pai, é chegada a
hora; glorifica a teu Filho, para que também o teu Filho te glorifique a ti;

2 Assim como lhe deste poder sobre toda a carne, para que dê a vida eterna a
todos quantos lhe deste.

3 E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e
a Jesus Cristo, a quem enviaste.

4 Eu glorifiquei-te na terra, tendo consumado a obra que me deste a fazer.

5 E agora glorifica-me tu, ó Pai, junto de ti mesmo, com aquela glória que tinha
contigo antes que o mundo existisse.

6 Manifestei o teu nome aos homens que do mundo me deste; eram teus, e tu mos
deste, e guardaram a tua palavra.

7 Agora já têm conhecido que tudo quanto me deste provém de ti;

8 Porque lhes dei as palavras que tu me deste; e eles as receberam, e têm
verdadeiramente conhecido que saí de ti, e creram que me enviaste.

9 Eu rogo por eles; não rogo pelo mundo, mas por aqueles que me deste, porque
são teus.

10 E todas as minhas coisas são tuas, e as tuas coisas são minhas; e neles sou
glorificado.

11 E eu já não estou mais no mundo, mas eles estão no mundo, e eu vou para ti.
Pai santo, guarda em teu nome aqueles que me deste, para que sejam um, assim
como nós.

12 Estando eu com eles no mundo, guardava-os em teu nome. Tenho guardado aqueles
que tu me deste, e nenhum deles se perdeu, senão o filho da perdição, para que a
Escritura se cumprisse.

13 Mas agora vou para ti, e digo isto no mundo, para que tenham a minha alegria
completa em si mesmos.

14 Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os odiou, porque não são do mundo, assim
como eu não sou do mundo.

15 Não peço que os tires do mundo, mas que os livres do mal.

16 Não são do mundo, como eu do mundo não sou.

17 Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade.

18 Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo.

19 E por eles me santifico a mim mesmo, para que também eles sejam santificados
na verdade.

20 E não rogo somente por estes, mas também por aqueles que pela tua palavra hão
de crer em mim;

21 Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também
eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.

22 E eu dei-lhes a glória que a mim me deste, para que sejam um, como nós somos
um.

23 Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, e para que o
mundo conheça que tu me enviaste a mim, e que os tens amado a eles como me tens
amado a mim.

24 Pai, aqueles que me deste quero que, onde eu estiver, também eles estejam
comigo, para que vejam a minha glória que me deste; porque tu me amaste antes da
fundação do mundo.

25 Pai justo, o mundo não te conheceu; mas eu te conheci, e estes conheceram que
tu me enviaste a mim.

26 E eu lhes fiz conhecer o teu nome, e lho farei conhecer mais, para que o amor
com que me tens amado esteja neles, e eu neles esteja.

Mensagem crista Joao 17

Refletindo sobre a passagem bíblica

O texto acima, que aparece no Evangelho de João 17:1-26, é um momento de grande importância na história da humanidade. Nele, Jesus ora ao Pai, pedindo a Ele que glorifique Seu Filho, para que Seu Filho também possa glorificá-Lo. Jesus também pede a Deus para que os homens conheçam Seu nome e que eles guardem Sua palavra. Além disso, Jesus pede ao Pai que guarde aqueles que Ele deu a Ele, para que eles sejam um, assim como Jesus e o Pai são um. Por fim, Jesus pede que Deus ame os homens como Ele amou Jesus.

O que isso nos ensina?

Esta passagem nos ensina que Deus ama todos os Seus filhos e que Ele deseja que eles sejam um. Ele quer que todos conheçam Seu nome e que guardem Suas palavras. Além disso, Ele deseja que todos os Seus filhos sejam santificados na verdade e que eles sejam livres do mal. Esta passagem também nos ensina que, quando oramos a Deus, Ele nos ouve e nos responde de acordo com Sua vontade.

Como isso se aplica à nossa vida?

Esta passagem nos ensina a buscar o amor de Deus em nossas vidas. Devemos orar a Ele, pedindo que Ele nos guie e nos ajude a conhecer Sua vontade. Além disso, devemos orar para que Ele nos dê a graça de conhecer Seu nome e guardar Suas palavras. Por fim, devemos orar para que Ele nos livre do mal e nos santifique na verdade. Ao buscarmos o amor de Deus em nossas vidas, podemos experimentar a alegria e a paz que somente Ele pode nos dar.

Introdução a João 17

João 17 é um capítulo na Bíblia que contém uma oração de Jesus a Deus, o Pai. Esta oração requer um estudo profundo para entender todas as implicações que a envolvem, desde a relação entre Jesus e Deus até a relação entre os seguidores de Jesus e o mundo. Neste artigo, vamos abordar os principais tópicos discutidos no capítulo 17 de João.

O que é João 17?

João 17 é um dos capítulos mais importantes da Bíblia porque é nesse capítulo que Jesus faz a oração mais significativa de sua vida. Ele ora a Deus, o Pai, pedindo que seus seguidores sejam santificados e que Deus os proteja do mal. Ele também pede que Deus lhe dê a glória que merece, que os seus seguidores sejam unidos e que o mundo acredite que Ele foi enviado por Deus.

A importância de João 17

João 17 é importante porque é nesse capítulo que Jesus faz uma oração significativa para Deus, o Pai, pedindo que seus seguidores sejam santificados e que Deus os proteja do mal. Esta oração é muito importante porque nos mostra o amor que Jesus tem por seus seguidores e nos encoraja a amar uns aos outros. Esta oração também nos ensina que devemos seguir o exemplo de Jesus e viver de acordo com o que Deus deseja para nós.

Conclusão

João 17 é um capítulo muito importante da Bíblia porque contém a oração de Jesus a Deus, o Pai. Esta oração é significativa porque nos mostra o amor que Jesus tem por seus seguidores e nos encoraja a amar uns aos outros. Esta oração também nos ensina que devemos seguir o exemplo de Jesus e viver de acordo com o que Deus deseja para nós.

FAQ sobre João 17

Pergunta 1: O que é João 17?

Resposta: João 17 é um capítulo da Bíblia que contém uma oração de Jesus a Deus, o Pai. Esta oração requer um estudo profundo para entender todas as implicações que a envolvem, desde a relação entre Jesus e Deus até a relação entre os seguidores de Jesus e o mundo.

Pergunta 2: Qual é a importância de João 17?

Resposta: João 17 é importante porque é nesse capítulo que Jesus faz uma oração significativa para Deus, o Pai, pedindo que seus seguidores sejam santificados e que Deus os proteja do mal. Esta oração é muito importante porque nos mostra o amor que Jesus tem por seus seguidores e nos encoraja a amar uns aos outros.

Pergunta 3: O que João 17 nos ensina?

Resposta: João 17 nos ensina que devemos seguir o exemplo de Jesus e viver de acordo com o que Deus deseja para nós. Esta oração também nos encoraja a amar uns aos outros e a confiar em Deus para nos proteger do mal.

Leave A Reply

Your email address will not be published.