Justiça, Retidão e Sabedoria com Provérbios 29: Uma reflexão profunda!

0

Neste postblog, vamos refletir sobre o Provérbios 29, que nos ensina sobre o tema da justiça, retidão e sabedoria. O livro dos Provérbios é um dos livros mais importantes da Bíblia, pois ensina aos crentes princípios práticos para viver uma vida cristã. O Provérbios 29 contém várias passagens que nos incentivam a procurar a justiça, a retidão e a sabedoria, e nos ensina como usar esses princípios para lidar com as dificuldades da vida. Vamos refletir sobre essas passagens e descobrir como aplicá-las à nossa vida.

Salmo Proverbios 29

Conteúdo

Tabela sobre Provérbios 29

Provérbios 29

1 O Homem que muitas vezes repreendido endurece a cerviz, de repente será
destruído sem que haja remédio.

2 Quando os justos se engrandecem, o povo se alegra, mas quando o ímpio domina,
o povo geme.

3 O homem que ama a sabedoria alegra a seu pai, mas o companheiro de prostitutas
desperdiça os bens.

4 O rei com juízo sustém a terra, mas o amigo de peitas a transtorna.

5 O homem que lisonjeia o seu próximo arma uma rede aos seus passos.

6 Na transgressão do homem mau há laço, mas o justo jubila e se alegra.

7 O justo se informa da causa dos pobres, mas o ímpio nem sequer toma
conhecimento.

8 Os homens escarnecedores alvoroçam a cidade, mas os sábios desviam a ira.

9 O homem sábio que pleiteia com o tolo, quer se zangue, quer se ria, não terá
descanso.

10 Os homens sanguinários odeiam ao sincero, mas os justos procuram o seu bem.

11 O tolo revela todo o seu pensamento, mas o sábio o guarda até o fim.

12 O governador que dá atenção às palavras mentirosas, achará que todos os seus
servos são ímpios.

13 O pobre e o usurário se encontram; o Senhor ilumina os olhos de ambos.

14 O rei que julga os pobres conforme a verdade firmará o seu trono para sempre.

15 A vara e a repreensão dão sabedoria, mas a criança entregue a si mesma,
envergonha a sua mãe.

16 Quando os ímpios se multiplicam, multiplicam-se as transgressões, mas os
justos verão a sua queda.

17 Castiga o teu filho, e te dará descanso; e dará delícias à tua alma.

18 Não havendo profecia, o povo perece; porém o que guarda a lei, esse é
bem-aventurado.

19 O servo não se emendará com palavras, porque, ainda que entenda, todavia não
atenderá.

20 Tens visto um homem precipitado no falar? Maior esperança há para um tolo do
que para ele.

21 Quando alguém cria o seu servo com mimos desde a meninice, por fim ele
tornar-se-á seu filho.

22 O homem irascível levanta contendas; e o furioso multiplica as transgressões.

23 A soberba do homem o abaterá, mas a honra sustentará o humilde de espírito.

24 O que tem parte com o ladrão odeia a sua própria alma; ouve maldições, e não
o denuncia.

25 O temor do homem armará laços, mas o que confia no Senhor será posto em alto
retiro.

26 Muitos buscam o favor do poderoso, mas o juízo de cada um vem do Senhor.

27 Abominação é, para os justos, o homem iníquo; mas abominação é, para o
iníquo, o de retos caminhos.

Mensagem crista Proverbios 29

Provérbios 29:1-27

Esta passagem de Provérbios é recheada de sabedoria divina, ensinando-nos sobre a relação entre a justiça e a retidão e as consequências de nossos atos. Deus nos mostra que os justos se alegram quando eles prosperam e o povo se alegra com isso, mas quando os ímpios governam, o povo geme. Ele nos ensina que o amor à sabedoria alegra o coração de um pai, mas que a companhia de prostitutas destrói os bens. Deus nos mostra que o governante com juízo sustenta a terra, mas o amigo de peitas a transtorna. Ele nos ensina que lisonjear o seu próximo é como armar uma rede aos seus próprios passos. Este capítulo de Provérbios nos ensina que quando os justos se engrandecem, todos se alegram, mas quando o ímpio domina, o povo geme. Além disso, Deus nos ensina que o homem sábio que pleiteia com o tolo não terá descanso e que os homens sanguinários odeiam ao sincero, mas os justos buscam o seu bem. Este texto nos ensina que o rei que julga os pobres conforme a verdade firmará o seu trono para sempre e que o governador que dá atenção às palavras mentirosas achará que todos os seus servos são ímpios. Por fim, Deus nos ensina que castigar o nosso filho nos dará descanso e que, quando os ímpios se multiplicam, os justos verão a sua queda.

Como cristãos, devemos nos lembrar que Deus é o único que nos pode dar sabedoria, e que a vara e a repreensão também nos dão sabedoria. Devemos lembrar que o Senhor ilumina os olhos de todos, tanto dos pobres quanto dos usurários. O nosso dever como cristãos é procurar o bem do nosso próximo e buscar o juízo de Deus em todas as nossas ações. Devemos lembrar que o homem que muitas vezes repreendido endurece a cerviz será destruído sem que haja remédio. Além disso, devemos nos lembrar que a soberba do homem o abaterá, mas a honra sustentará o humilde de espírito. Finalmente, devemos nos lembrar que, quando não há profecia, o povo perece, mas o que guarda a lei é bem-aventurado.

Esta passagem nos ensina que devemos seguir os ensinamentos de Deus e não os desejos do mundo. Devemos nos lembrar que o que nos é oferecido pelo mundo não é o que nos traz alegria eterna, mas sim o que nos oferece Deus. Devemos nos lembrar que a justiça e a retidão são o caminho para a alegria eterna e que Deus nos recompensará se buscarmos o seu juízo em todas as nossas ações. Finalmente, devemos nos lembrar que Deus nos ama e que ele nos recompensará se buscarmos seguir os seus ensinamentos.

O que é o Provérbios 29?

O Provérbios 29 é um capítulo da Bíblia Sagrada. Nele, Salomão compartilha algumas de suas sabedorias sobre como viver uma vida reta diante dos olhos de Deus. Nesse capítulo, Salomão fala sobre questões como governança, sabedoria, justiça, humildade, misericórdia, amor e muito mais.

O que diz Provérbios 29?

Provérbios 29 diz que o homem que é repreendido e endurece a cerviz será destruído sem remedio. Também diz que quando os justos se engrandecem, o povo se alegra, mas quando o ímpio domina, o povo geme. Outro ensinamento importante é que, se alguém lisonjear seu próximo, estará armando uma rede aos seus passos. O capítulo também aborda assuntos como o amor à sabedoria, o governador justo, o escarnecedor, o sanguinário, o tolo, o pobre e o usurário.

Por que é importante ler Provérbios 29?

Ler Provérbios 29 é importante porque nos dá sabedoria e discernimento para lidar com os desafios da vida. Além disso, nos ensina a sermos justos e a ter misericórdia com os outros. É uma leitura que nos ajuda a entender os princípios de Deus e como devemos agir de acordo com o seu plano para nossas vidas.

FAQ – Perguntas e Respostas sobre Provérbios 29

Q1: O que é o Provérbios 29?

R: O Provérbios 29 é um capítulo da Bíblia Sagrada. Nele, Salomão compartilha algumas de suas sabedorias sobre como viver uma vida reta diante dos olhos de Deus.

Q2: O que diz Provérbios 29?

R: Provérbios 29 diz que o homem que é repreendido e endurece a cerviz será destruído sem remedio. Também diz que quando os justos se engrandecem, o povo se alegra, mas quando o ímpio domina, o povo geme. Outro ensinamento importante é que, se alguém lisonjear seu próximo, estará armando uma rede aos seus passos.

Q3: Por que é importante ler Provérbios 29?

R: Ler Provérbios 29 é importante porque nos dá sabedoria e discernimento para lidar com os desafios da vida. Além disso, nos ensina a sermos justos e a ter misericórdia com os outros. É uma leitura que nos ajuda a entender os princípios de Deus e como devemos agir de acordo com o seu plano para nossas vidas.

Leave A Reply

Your email address will not be published.

Personagem Lição
Homem que muitas vezes repreendido endurece a cerviz A resistência ao aprendizado tem consequências negativas.
Justos O bem-estar das pessoas depende da governança dos justos.
Ímpio A dominação dos ímpios traz tristeza e sofrimento.
Aquele que ama a sabedoria A busca pela sabedoria traz alegria aos pais.
Rei com juízo Um bom governante mantém a terra em ordem.
Aquele que lisonjeia o seu próximo A lisonja pode levar a armadilhas.
Justo O justo se preocupa com o bem-estar dos pobres.
Homem sábio Discutir com tolos pode ser cansativo.
Homens sanguinários Odiar a sinceridade é um ato de maldade.
Tolo Falar demais pode revelar informações prejudiciais.
Governador que dá atenção às palavras mentirosas É importante tomar cuidado com o que se ouve.
Pobre e usurário Deus ilumina a todos, independentemente de sua condição.
Aquele que castiga o filho O castigo educativo pode trazer descanso para os pais.
Aquele que não há profecia A falta de conhecimento espiritual é destrutiva.
Servo não se emendará com palavras As palavras não são suficientes para ensinar alguém.
Aquele que cria o servo com mimos A bondade pode transformar um servo em filho.
Homem irascível A raiva leva a muitos problemas.
Humilde de espírito A humildade é recompensada com honra.
Aquele que tem parte com o ladrão A cumplicidade com o mal é destrutiva.