Misericórdia e Justiça em Zacarias 7: como o amor de Deus nosense enseja!

0

Começamos nossa reflexão sobre o capítulo 7 de Zacarias com uma leitura da Palavra de Deus. Nesta passagem, o Senhor nos fala de amor, misericórdia, justiça e solidariedade. A mensagem de Deus para o Seu povo é clara: devemos nos unir para ajudar aqueles que mais precisam, dando-lhes o nosso amor e compaixão. A desobediência à Palavra de Deus traz consequências terríveis, pois Deus não tolera a maldade, mas abençoa aqueles que buscam a justiça. Portanto, devemos esforçar-nos para obedecer à Palavra de Deus e agir com misericórdia para com aqueles que mais precisam.

Salmo Zacarias 7

Conteúdo

Tabela sobre Zacarias 7

Personagem Lição
Dario A obediência a Deus é recompensada com bênçãos.
Sarezer e Régen-Meleque Devemos buscar a direção de Deus em nossas decisões.
Povo Devemos praticar o amor e a justiça em nossas vidas.
Zacarias Devemos ser obedientes à Palavra de Deus.

Zacarias 7

1 Aconteceu, no quarto ano do rei Dario, que a palavra do SENHOR veio a
Zacarias, no quarto dia do nono mês, que é Quisleu.

2 Quando o povo enviou Sarezer e Régen-Meleque, e os seus homens, à casa de
Deus, para suplicarem o favor do Senhor,

3 E para dizerem aos sacerdotes, que estavam na casa do Senhor dos Exércitos, e
aos profetas: Chorarei eu no quinto mês, fazendo abstinência, como tenho feito
por tantos anos?

4 Então a palavra do Senhor dos Exércitos veio a mim, dizendo:

5 Fala a todo o povo desta terra, e aos sacerdotes, dizendo: Quando jejuastes, e
pranteastes, no quinto e no sétimo mês, durante estes setenta anos, porventura,
foi mesmo para mim que jejuastes?

6 Ou quando comestes, e quando bebestes, não foi para vós mesmos que comestes e
bebestes?

7 Não foram estas as palavras que o Senhor pregou pelo ministério dos primeiros
profetas, quando Jerusalém estava habitada e em paz, com as suas cidades ao
redor dela, e o sul e a campina eram habitados?

8 E a palavra do Senhor veio a Zacarias, dizendo:

9 Assim falou o Senhor dos Exércitos, dizendo: Executai juízo verdadeiro,
mostrai piedade e misericórdia cada um para com seu irmão.

10 E não oprimais a viúva, nem o órfão, nem o estrangeiro, nem o pobre, nem
intente cada um, em seu coração, o mal contra o seu irmão.

11 Eles, porém, não quiseram escutar, e deram-me o ombro rebelde, e ensurdeceram
os seus ouvidos, para que não ouvissem.

12 Sim, fizeram os seus corações como pedra de diamante, para que não ouvissem a
lei, nem as palavras que o Senhor dos Exércitos enviara pelo seu Espírito por
intermédio dos primeiros profetas; daí veio a grande ira do Senhor dos
Exércitos.

13 E aconteceu que, assim como ele clamou e eles não ouviram, também eles
clamaram, e eu não ouvi, diz o Senhor dos Exércitos.

14 Assim os espalhei com um turbilhão por entre todas as nações, que eles não
conheceram, e a terra foi assolada atrás deles, de sorte que ninguém passava por
ela, nem se voltava; porque fizeram da terra desejada uma desolação.

Mensagem crista Zacarias 7

Zacarias e o Senhor dos Exércitos

No quarto ano do reinado de Dario, a palavra do Senhor veio a Zacarias, no quarto dia do nono mês, que é Quisleu. O povo enviou Sarezer e Régen-Meleque, e os seus homens, à casa de Deus, para suplicarem o favor do Senhor e para perguntarem aos sacerdotes e profetas se deviam jejuar e prantear no quinto mês, como vinham fazendo por tantos anos.

A Palavra do Senhor

A palavra do Senhor dos Exércitos veio a Zacarias e lhe disse que falasse ao povo desta terra, aos sacerdotes e lhes perguntasse se, quando jejuavam e pranteavam no quinto e sétimo mês, durante os setenta anos, era mesmo para Ele que jejuavam. Ou se quando comiam e bebiam, era para eles mesmos que o faziam.

O Senhor também lhe disse que pregasse a execução do juízo verdadeiro, a prática da piedade e misericórdia, e o não oprimir a viúva, o órfão, o estrangeiro, o pobre e o não intender o mal contra o seu irmão. Porém, o povo não quis escutar a Palavra do Senhor.

A Irá do Senhor dos Exércitos

Diante da rebeldia do povo, o Senhor dos Exércitos se irou muito e os espalhou por entre todas as nações, de modo que a terra ficou desejada em desolação. O Senhor também disse que, assim como o povo rebelde não o escutou, Ele também não escutou as orações deles.

A passagem de Zacarias nos ensina que o Senhor dos Exércitos nos ama de forma incondicional, mas espera que pratiquemos o juízo verdadeiro, a piedade e misericórdia, e que não oprimamos os mais fracos. É importante que façamos isso para que possamos viver em paz e comunhão com Ele.

Zacarias 7

No quarto ano do rei Dario, a palavra do Senhor veio a Zacarias, no quarto dia do nono mês, que é Quisleu. O povo enviou Sarezer e Régen-Meleque e seus homens para a casa de Deus suplicarem o favor do Senhor e perguntarem aos sacerdotes e profetas se deveriam jejuar e prantear no quinto e no sétio mês como haviam feito nos anos anteriores.

A palavra do Senhor dos Exércitos veio a Zaccarias e disse que os jejuns e prantos não eram para Ele, mas para si mesmos. O Senhor também pregou pelo ministério dos profetas para que executassem juízo verdadeiro e mostrassem piedade e misericórdia, não oprimindo viúvas, órfãos, estrangeiros e pobres.

No entanto, as pessoas não ouviram e a ira do Senhor dos Exércitos se desatou sobre elas, espalhando-as entre as nações que eles não conheciam e deixando a terra devastada.

FAQ – Zacarias 7

Perguntas e Respostas

Q: Quando a palavra do Senhor veio a Zacarias?
R: A palavra do Senhor veio a Zacarias no quarto ano do rei Dario, no quarto dia do nono mês, que é Quisleu.

Q: O que o Senhor disse ao povo?
R: O Senhor disse ao povo para executarem juízo verdadeiro, mostrarem piedade e misericórdia uns aos outros e não oprimirem viúvas, orphanos, estrangeiros e pobres.

Q: O que aconteceu quando o povo não ouviu o Senhor?
R: Quando o povo não ouviu o Senhor, Ele os espalhou entre as nações que eles não conheciam e deixou a terra devastada.

Leave A Reply

Your email address will not be published.